O Novo Mira e Destino vem ai. Aguardem

SAÚDE
Cirurgião plástico catarinense fala sobre sua experiência na guerra da Palestina ao Portal G1
Por Zildda Brandaoh - 06/01/2009 às 12:55


Desde a tarde de  (30.12), está publicada no G1, o portal de notícias da Rede Globo, uma matéria redigida pela jornalista Isis Nóbile Diniz, de São Paulo, a partir de uma entrevista e fotografias fornecidas pelo cirurgião plástico catarinense Zulmar Antonio Accioli de Vasconcellos. Intitulado “Campos de refugiados na Faixa de Gaza são como uma favela”, o texto trata da experiência do médico como integrante da ação humanitária que atua naquela região, hoje ainda mais padecida com o recrudescimento da guerra entre o grupo palestino Hamas e o governo de Israel.

 

Nesta área deflagrada vivem mais de 1,5 milhão de habitantes, a maioria jovem, em meio a bombardeios, desemprego e retaliações, como o corte de água e luz. Professor de cirurgia plástica e técnica operatória do curso de medicina da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e membro da atual diretoria da seccional catarinense da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBPC), Vasconcellos lá esteve por sete vezes. A primeira foi em 2002 e a última em 2006, ainda antes do Hamas voltar ao poder. Depois disso, evitou retornar por causa dos seqüestros de médicos humanitários. Porém, estuda a possibilidade de embarcar para a oitava jornada, no início do próximo mês de março, se a situação melhorar.

 

O cirurgião plástico foi o primeiro sul-americano a se unir aos Médicos do Mundo, uma iniciativa de um colega da França, onde cursou seu doutorado. A missão era operar feridos de guerra e qualificar os médicos locais. Cada passagem pelo Oriente Médio dura em torno de dez dias e em cada um deles chegava a atender de vinte a trinta pessoas. Logo na primeira viagem, foi chamado para operar um homem com uma lesão no braço. A cirurgia foi acompanhada por cerca de vinte homens armados, que informavam constantemente ao governo o andamento da operação. Depois de recuperado, o paciente tido como um “herói” militar confessou que já podia jogar bombas com as duas mãos. A partir daí, decidiu tratar somente das crianças.

 





Envie por email para um amigo

Leia mais sobre Saúde


COMENTÁRIOS

Não há comentário postado até o momento

COMENTE

Seu nome:
Seu email:
Deixar seu email visível: 
Cidade/Estado:

Escreva seu comentário


Digite o código abaixo:
33464



HOME
QUEM SOMOS
FALE CONOSCO
TV ZILDA BRANDÃO
COLUNA ZILDA
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
ANTONIO SALANI

Mira & Destino é um site de informações turísticas, gastronômicas, negócios e novidades no mercado voltado para o público de alto luxo. Nossa intenção é trazer sempre o que de melhor acontece no mundo
BUSCA DE NOTÍCIA
RECEBA NOTÍCIAS

Desenvolvimento: Anderson Luiz